SILVIO SANO: NIPONICA: Isadora Kataoka, a true love

Na semana em que a atenção do Brasil voltava-se à prisão dos protagonistas do Mensalão, a minha tinha pequenos desvios a outra ocorrência bem menor, na comparação, mas excepcionalmente maior para Isadora Kataoka, de apenas 16 anos, pela conquista do Grand Prix no concurso de karaokê de Renato Chibana, em Campinas, porque superou veteranos supercampeões brasileiros como Alexandre Hayafuji, Mário Chibana, etc.

Uma das juradas no evento, profª Tereza Kato, mas que não pode estar presente no domingo, quando soube por mim, na manhã do dia seguinte, que a campeã fora Isabela, não se surpreendeu plenamente. “Nossa! Como a qualidade dos cantores era excepcional não dava para apontar o campeão, mas a apresentação dela foi mesmo de arrepiar…”, afirmou, aprovando o resultado.

E por que minha atenção fora desviada para lá? Em primeiro lugar porque, como já comentei aqui sobre a questão da sobrevivência dos concursos de karaokê, o formato concurso do Chibana é diferenciado e, por isso, vai se tornando um dos mais badalados da comunidade. Se já não o é, o que ainda não posso afirmar por não ter estado lá. Aliás, segunda razão pelo desvio de minha atenção, pois queria muito ter estado presente ao evento.

A terceira foi devido à forma como os dois principais mensaleiros se apresentaram à Justiça para cumprirem suas penas, de braço esquerdo para cima e punho cerrado, que me remeteu de imediato ao manekinekô, aquela estatueta do “gato acenando” (tradução literal), cuja simbologia tradicional na crença popular japonesa é para atrair sorte ou dinheiro, dependendo do braço levantado.

Opa?! Então, nada a ver com a atitude daqueles e, muito menos, com a conquista de Isadora! Sem dúvida! Mas enquanto aqueles representam “gatunos” que roubam, poder-se-ia afirmar que Isadora representa uma “gatinha” que conquista, conforme comprova seu currículo que começou aos 11 anos, em 2008, com o primeiro Paulistão na categoria Tibiko B, depois 2009, tanto no Paulistão como no Brasileirão, chegar à categoria juvenil repetindo a dose em anos seguidos até culminar nesse Golden Grand Prix de Chibana. E a conquista dela ainda atraiu…

 

Atento ao Brasil

E bem como ao entorno,

Ouvi Isadora

 

 

 

Silvio Sano

é arquiteto e escritor. E-mail: silviossam@gmail.com

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

JORGE NAGAO: Frases de Para-choques   " Sou louco pelas meninas... dos teus olhos."   Os revoltados caminhoneiros fizeram um grande protesto, recentemente. Para enten...
AKIRA SAITO: O PODER DE ENSINAR   “Aquele que busca ensinar através de seus exemplos na prática, jamais deixará de aprender”     Na língua japonesa chama-se de...
SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: Família Moribe, de Cafelândi...   Foi em 6/05/1913, que o Patriarca Isaburo, saindo de Fukuoka, desembarca no porto de Santos. Moribe significa –Guardiões da Floresta -. Como...
JORGE NAGAO: Hoyama, Kano e Kobayashi   Pingue: Você sabe quem são eles? Pongue: (ôps, antes que alguém se ofenda, pingue-pongue é um jogo de perguntas e respostas objetivas.) P...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *