TECNOLOGIA: Tristeza nunca mais! Geladeira japonesa só abre depois de um sorriso

 

Do R7, com Fala Brasil

 

Cientistas criam tecnologia para aumentar a felicidade da população “na marra”

 

Além da geladeira, japoneses desenvolveram espelho e despertador para sorridentes (Reprodução/Rede Record)

 

A tradicional cara fechada dos japoneses preocupou pesquisadores da Universidade de Tóquio e serviu de estímulo para uma ideia um tanto quanto inusitada. Trata-se de uma geladeira que só pode ser aberta se a pessoa estiver sorrindo.

Funciona assim: uma câmera na porta da geladeira tem capacidade de reconhecimento facial e passa o sorriso do consumidor para um programa. Depois de alguns segundos de sorriso, surge um emoticon desenhado por luzes de LED na porta do refrigerador. Ou seja, sinal verde para abrir o eletrodoméstico e fazer uma boquinha.

Um estudo dos inventores afirma que, após dez dias de “sorrisos forçados”, as pessoas estavam mais contentes de verdade.

 

Confira na reportagem do Fala Brasil:

 

 

 

Fonte: Portal R7

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

ANDRADINA: Números colocam Jamil Ono como um dos m... Ex-prefeito de Andradina colocou o município entre os melhores na gestão fiscal e duplicou a renda per capita da população   ‘Efeito Jamil’ ...
BENEFICENTE: Evento com José Roberto Guimarães no ... O dia 7 de maio certamente ficará marcado na história do Nippon Country Club como a data que reuniu três campeões olímpicos em sua sede de campo, em A...
MÚSICA: Mariana Suzuke prepara novos voos em 2018 Depois de uma bem-sucedida passagem por Portugal, a cantora Mariana Suzuke começa, aos poucos, retomar sua vida no Brasil. E o seu próximo compromisso...
CULTURA INDÍGENA: Produtor nikkei retrata vida de ... Pode-se dizer que o ano de 2015 não teve crise para o produtor nikkei Pedro Watanabe, ganhador de vários prêmios na Europa e na China com o documentár...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *