TÊNIS DE MESA: Eduardo Tomoike, nasce um fenômeno na modalidade

 

Os grandes campeões são aqueles atletas que marcam a história de suas respectivas modalidades.

“Hoyama”, recordista de medalhas em Pan-americanos e participações em Olimpíadas; “Biriba”, nunca perdeu para nenhum atleta do continente Latino-Americano em sua vida, teve 12 participações em Sul-americanos adulto, o primeiro com 13 a 17 anos e conquistou 12 medalhas de ouro – já que na época não existia Campeonato Latino-Americano e o tênis de mesa ainda não fazia parte dos Jogos Pan-americanos (1983), tampouco das Olimpíadas (1988). “Kano” foi o primeiro brasileiro a jogar uma Liga Profissional na Suécia e se tornar campeão nela como o primeiro jogador.

Eis que agora surge um novo fenômeno, Eduardo Tomoike “DUDU”, que acaba de conquistar mais um título Latino-Americano Individual.

 

O pequeno Eduardo Tomoike acaba de conquistar mais um título (foto: divulgação)

 

Com esse, Dudu já totaliza quatro medalhas de ouro em Torneios na América Latina em sua categoria, a sub11, se tornando bicampeão Sul-americano e bicampeão Latino-Americano Individual.

Campeão Sul-americano Individual em 2011 – Paraguai, Campeão Latino-Americano em 2011 na Guatemala, Campeão Sul-americano em 2012 no Peru e agora Campeão Latino-Americano na Venezuela.

Até o momento, “Dudu” tem um saldo assustador de vitórias e quem sabe teremos um novo ídolo brasileiro para entrar para a história do mesa-tenismo mundial.

No primeiro Sul-americano no Paraguai, Dudu venceu 45 sets e perdeu apenas 1, já na Guatemala, venceu 35 e perdeu 4 sets, no Peru venceu 36 e perdeu 3 sets , finalizando na Venezuela, com 36 sets a favor e 5 sets contra, TOTALIZANDO 47 vitórias e 1 derrota, com 152 sets pro e 13 contra, um número fantástico.

Eduardo Tomoike começou com 7 anos no clube Itaim Keiko, em São Paulo, foi descoberto e treinado pelo técnico Marcos Yamada, que convenceu os pais Tadashi e Miriam (ambos engenheiros civis), para que ele abandonasse o judô e se dedicasse 100% ao tênis de mesa; a irmã Cris também é atleta do clube, ou seja, todos da família o apóiam.

Além da humildade, Dudu tem um carisma que lhe é peculiar, sempre sorridente e amigo de todos, não esconde a emoção de conquistar mais um título para o Brasil. Na entrevista, cita que seu ataque foi a grande arma neste Campeonato e diz estar muito grato aos seus técnicos (Takeda, Alexandre e Makiuchi), clubes e parceiros de treino. Também já é bicampeão Brasileiro Intercolonial, Campeão Paulista e atualmente é o atleta mais novo da história do país a ter um contrato com a maior empresa do mundo em materiais de tênis de mesa, a “Butterfly Japan”.

Por onde joga, com seu estilo caneteiro (em extinção), brilha e atrai milhares de torcedores para assistir as suas jogadas. Sem dúvida é o perfil de um grande campeão.

Mais informações desta competição nos sites oficiais: www.cbtm.org.br, www.ultm.org . www.consuteme.org

 


*Marcos Yamada é engenheiro e consultor especialista em tênis de mesa

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

MUNDO VIRTUAL: Podem retirar o meu direito de ace... Volto ao tema que anteriormente já abordei aqui, porque o assunto ainda não foi resolvido em definitivo, e porque há poucos dias o ministro das Comuni...
TÊNIS DE MESA: Circuito Fedeesp Butterfly encerra ... Mesmo com um calendário apertado como o do ano de 2014, o Circuito Educacional Fedeesp de Tênis de Mesa – Apoio Butterfly inovou ao incentivar ainda m...
MEIRY KAMIA: O poder da transformação *por Meiry Kamia   Momentos de crise põem em xeque nossas crenças, hábitos, vitórias e certezas. No ideograma chinês, a palavra CRISE é for...
BEISEBOL: Jogadores brasileiros da MLB doam equipa... Os dois principais atletas brasileiros que atuam na Major League Baseball, Yan Gomes – ídolo do Cleveland Indians - e Paulo Orlando, atual campeão da ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *