TÊNIS DE MESA: MESA-TENISTAS BRASILEIROS NO EXTERIOR

Devido a falta de uma política esportiva no país, apenas o vôlei e futebol oferecem condições para os atletas de alto rendimento sobreviverem no Brasil.

No tênis de mesa,  o motivo é a falta de eventos com qualidade, onde toda a estrutura seja mais profissional e ofereçam condições para o atleta receber prêmios em dinheiro e salários dignos, podendo manter-se jogando em competições com forte nível técnico.

 

Matéria do jornal que destaca conquista de Jessica Yamada. Foto: divulgação

 

Como não há incentivo e planejamento para atletas da chamada seleção brasileira B, todos param de jogar e buscam outra forma de conseguir uma nova profissão, daí o nível técnico dos torneios baixam ainda mais.

Um exemplo de como fazer, estão nas Ligas da Europa e na Ásia, com longas temporadas de jogos de ida e volta com as equipes se enfrentando em sua casa e na do adversário.

Quem sabe um dia vamos poder imitá-los e chegar numa Alemanha que tem 8 mil clubes e 750 mil  atletas filiados.

Hugo Calderano (Alemanha), Gustavo Tsuboi (Polônia), Cazuo Matsumoto (Polônia), Thiago Monteiro (França), Eric Jouti (Alemanha), Victor Ishiy (Alemanha), Bruno Anjos (EUA), Masao Kohatsu (Espanha), Renan Wiest (Portugal), Jeff Yamada (EUA), Jessica Prates (Espanha), Gui Lin (França) e Jessica Yamada (França e Suécia).

Na França, onde atua a atleta profissional Jessica Yamada, que vai para a sua 6ª temporada na Europa, existem várias divisões como Pro-A, Pro-B, Nacional 1, 2, 3, 4 e Regional 1,2, …. para todos os níveis, como em nosso futebol – Série A, B, C, 1ª Divisão, 2ª, 3ª, etc… Jéssica é a atual número 48 no ranking nacional da França e número 1 no ranking nacional da Suécia.

Na foto, a grande final da Liga Sueca, onde a equipe da brasileira perdeu a chance do título nacional, com o destaque para a vitória de Jessica na semifinal sobre a ex-campeã mundial de duplas Ni Xia Lian (Luxemburgo) que brilhou na última Olimpíada do RJ 2016, ficando entre as 32 melhores.

 

MARCOS YAMADA

MARCOS YAMADA

Engenheiro e Consultor Especialista em Tenis de Mesa
MARCOS YAMADA

Últimos posts por MARCOS YAMADA (exibir todos)

    Related Post

    BEISEBOL: Cooper Clube é campeão da 1ª Copa Jica P... A Federação Mato Grossense de Beisebol e Softbol, com apoio do Governo de Mato Grosso, realizou nos dias 25 e 26 de junho, no campo da Associação Nipo...
    Especial/61º PREMIO PAULISTA DE ESPORTES: ‘Vocês s... Pelo sexto ano consecutivo, a Câmara Municipal de São Paulo mais uma vez abriu suas portas para receber a cerimônia de entrega do Prêmio Paulista de E...
    BEISEBOL/SOFTBOL: Associação de Árbitros e Anotado... A Associação de Árbitros e Anotadores de Beisebol e Softbol do Brasil (AAABSB) realizou no último dia 21, nas dependências da Associação Mie Kenjin do...
    TÊNIS DE MESA: Copa Latina San-Ei em Jundiaí Nas Olimpíadas do Rio de Janeiro 2016, as mesas oficiais serão da marca San-Ei, empresa japonesa líder de mercado no segmento de fabricação de mesas p...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *