TRADIÇÃO: Apesar do mau tempo, Acal comemora ‘sucesso inesperado’ da 37ª edição do Tanabata Matsuri

Em um final de semana frio e chuvoso, a Praça da Liberdade recebeu, nos dias 4 e 5, o 37º Tanabata Matsuri. Realizado pela Acal (Associação Cultural e Assistencial da Liberdade), o evento alcançou um sucesso inesperado, segundo avaliação do diretor artístico, Marcelino Hamasaki. “No sábado, mesmo com muito frio e chuva, ficamos vendendo os tanzakus até 21h30. Os enfeites continuaram lindos no domingo e nas apresentações de palco, manteve o público animado até o final”, disse Hamasaki. Apesar de não ter uma estimativa de público, ele brincou afirmando que “o festival deixou muitos motoristas irritados buzinando na avenida”.

 

No domingo, sem chuva, o público melhorou consideravelmente (Foto: Aldo Shiguti)

No domingo, sem chuva, o público melhorou consideravelmente (Foto: Aldo Shiguti)

 

Segundo Hamasaki, outro fato positivo foi a presença de muitos visitantes de outras localidades do país. “Teve turistas da Amazônia que vieram especialmente para o festival. As cinco entidades da Acal (Kenko Taiso, Radio Taiso, Karaoke, Odori e Taiko) confeccionaram todos os enfeites e estavam muito felizes e realizados”, explicou, acrescentando que “as apresentações artísticas, feira de artesanato, comidas típicas, organização da Acal e no bairro mais famoso do Brasil deu o verdadeiro significado para Festa das Estrelas”.

Hamasaki aproveitou para agradecer todos que colaboraram direta ou indiretamente para a realização do evento, “em especial a Rosa Matsushita (e sua equipe) pela programação geral de palco e seus apresentadores oficiais: Elio Takashi e Márcia Mayumi. Somando a isso não teríamos conseguido sem a participação maciça do público e das empresas jornalísticas, em especial o Jornal Nippak”, disse.

 

 

Homem da chuva – No sábado, debaixo de muita chuva, a cerimônia de abertura contou com a presença do cônsul geral do Japão em São Paulo, Takahiro Nakamae e sua esposa, Masako; a deputada federal Keiko Ota (PSB-SP); o deputado estadual Jooji Hato (PMDB); e os vereadores Aurélio Nomura (PSDB), George Hato (PMDB) e Masataka Ota (Pros).

Participando pela primeira vez do festival como cônsul, Takahiro Nakamae se desculpou com os organizadores, brincando que desde pequeno é conhecido como “o homem da chuva”. Depois, disse que estava emocionado em compartilhar um momento tão especial. “O Tanabata Matsuri é inspirado numa lenda em que é possível fazer um pedido às estrelas. Na ocasião em que comemoramos também os 107 anos da imigração japonesa, nos lembramos dos nossos antepassados, que desejaram às estrelas, nos primeiros dias de desafios e esforços, vencer em uma terra distante”.

(Aldo Shiguti)

 

 

 

Related Post

COMUNIDADE: Okinawa Festival retribui acolhida aos... A comunidade nikkei – em especial a okinawana – e os moradores da zona Leste de São Paulo, já estão em contagem regressiva para um dos eventos mais ag...
TÊNIS DE MESA: Gustavo Tsuboi é premiado como reve... O mesa-tenista brasileiro Gustavo Tsuboi foi premiado como revelação da Liga Alemã em 2014. A conquista foi a confirmação de que o período de adaptaçã...
MEMAI: ARTE | GALERIA DECO A HISTÓRIA DE UM IDEAL   Estabelecida desde o início, em duas casas da década de 20 (com 150 metros quadrados – em seis salas expositivas), no bairro da Bela Vis...
TAIKÔ: Wadaiko Sho e Kaito Shamidaiko se apresenta... Os grupos de taiko Wadaiko Sho e Kaito Shamidaiko realizarão um show  em conjunto, convidando o solista japonês Ryutaro Kaneko no Teatro União Cultura...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *