VISITA DE SUAS ALTEZAS IMPERIAIS: Príncipe Akishino visita Campo Grande e inaugura monumento que marca sua presença em MS

O Príncipe Akishino e a Princesa Kiko desembarcaram em Mato Grosso do Sul, no domingo (1/11) e foram recepcionados por 30 crianças da Escola Visconde de Cairu, que se encantaram com a simplicidade das altezas. Do aeroporto Internacional de Campo Grande seguiram direto para o Pantanal.

 

Encontro do casal imperial com o governador do estado de MS, Reinaldo Azambuja (Foto: Silvio Mori)

Encontro do casal imperial com o governador do estado de MS, Reinaldo Azambuja (Foto: Silvio Mori)

 

Na segunda-feira (2/11), a família real japonesa retornou a Campo Grande para cumprir uma agenda de visitas que começou após o almoço. O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) acompanhado da primeira-dama Fátima Azambuja, recebeu o príncipe e princesa no hotel em que estavam hospedados.  Durante o encontro, Azambuja deu boas vindas ao casal e agradeceu a presença em nosso Estado.

Após a audiência, o chefe de Estado levou a família imperial até o Museu Dom Bosco, onde passaram pelo setor de invertebrados e de etnologia, conhecendo um pouco da história dos índios de Mato Grosso do Sul.

 

Príncipe Akishino e a princesa Kiko com o governador e o presidente da AECNB na sede de campo (Foto: Roberto Higa)

Príncipe Akishino e a princesa Kiko com o governador e o presidente da AECNB na sede de campo (Foto: Roberto Higa)

 

De acordo com o coordenador do Museu, Dirceu Maurício Van Lonkhvijzeen, o casal real ficou encantado com algumas peças indígenas, insetos e aves do Pantanal. O príncipe, em especial, demonstrou interesse pelas cabaças.

Em seguida, as altezas e sua comitiva foram para a sede campo da Associação Esportiva e Cultural Nipo Brasileira (AECNB), onde foram recepcionados pelos 1.300 convidados da comunidade nipônica de Campo Grande e do interior do Estado. O presidente da entidade, Acelino Sinjó Nakasato, abriu a solenidade agradecendo a visita do casal real e relatando o legado deixado pelos imigrantes japoneses no Estado, marcado pelo sofrimento, mas com superação.  “A visita do casal imperial é um marco memorativo na relação entre Brasil e Japão”, frisou Acelino Nakasato, presidente da entidade.

 

Suas Altezas Imperiais em visita ao Museu Dom Bosco (Foto: Jessica Barbosa / Governo MS)

Suas Altezas Imperiais em visita ao Museu Dom Bosco (Foto: Jessica Barbosa / Governo MS)

 

Meio ambiente – O governador Reinaldo Azambuja falou da alegria em receber o príncipe e a princesa do Japão, membros da mais antiga monarquia do mundo, destacou que Akishino é um homem preocupado com questões de sustentabilidade e meio ambiente.

“O príncipe ficou impressionado com as belezas do nosso pantanal. Tivemos a oportunidade relatar, um pouco, o que é Mato Grosso do Sul e dizer o quanto foi importante a participação dos membros da comunidade nikkei na construção do nosso Estado”, disse o governador.

 

Princesa Kiko mais uma vez demonstrou toda sua simpatia em MS (Foto: Rafael Gaijin)

Princesa Kiko mais uma vez demonstrou toda sua simpatia em MS (Foto: Rafael Gaijin)

 

Ao fazer uso da palavra, o príncipe Akishino ressaltou a história e as conquistas dos imigrantes japoneses no Estado de Mato Grosso do Sul e a contribuição na construção de Campo Grande. “Estive no Brasil em 1988 e fico feliz em voltar agora acompanhado de minha esposa. Estou ciente de que a comunidade japonesa contribui imensamente para o desenvolvimento de Campo Grande, especialmente na construção da estrada de ferra, de São Paulo a Campo Grande, além de trazer a cultura japonesa para o estado como o Sobá de Okinawa”, discursou o príncipe.

 

Comunidade recepcionou Suas Altezas Imperiais na AECNB (Foto: Silvio Mori)

Comunidade recepcionou Suas Altezas Imperiais na AECNB (Foto: Silvio Mori)

 

A solenidade com a presença do príncipe Akishino e princesa Kiko foi encerrada com três Banzais (Vivas). Em seguida, o casal seguiu para o aeroporto para retornar a São Paulo.

(Silvio Mori, especial para o Jornal Nippak)

 

 


 

 

Comunidade nikkei de MS vive momento histórico com visita dos príncipes

 

O casal imperial participou da inauguração do monumento em homenagem aos 120 Anos de Amizade (Foto: Roberto Higa)

O casal imperial participou da inauguração do monumento em homenagem aos 120 Anos de Amizade (Foto: Roberto Higa)

 

A visita do príncipe Akishino e da princesa Kiko a Campo Grande é um momento histórico para comunidade nipo-brasileira de Mato Grosso do Sul. Para marcar o acontecimento, com apoio de associados, políticos e empresários, foi construído um monumento em granito e preparado para ser inaugurado com a presença das altezas imperiais.

No domingo (1/11) antes da cerimônia de recepção, o casal real acompanhado do governador e do presidente da Nipo de Campo Grande passou pelo memorial aos antepassados e fizeram um reverencia. Em seguida, o príncipe Akishino, o governador Reinaldo Azambuja e o presidente da AECNB, Acelino Sinjó Nakasato, inauguraram o novo monumento que marca os 120 anos do Tratado de amizades, comércio e Navegação entre Brasil e Japão e a visita da família Imperial ao Estado.

 

(Silvio Mori)

 

Related Post

CIDADES/REGISTRO: 17ª Festa do Sushi terá sashimi ... Nos próximos dias 2 e 3 de junho, acontece no RBBC (Registro Base Ball Club), na cidade de Registro, no Vale do Ribeira, interior de São Paulo, a 17ªº...
LIDERANÇA X JUVENTUDE: Fórum reúne personalidades ... Com o objetivo de promover, discutir e incentivar jovens em lideranças exemplares, o deputado estadual Hélio Nishimoto (PSDB) abriu, no último dia 10,...
110 ANOS DA IMIGRAÇÃO: Messiânica do Brasil faz do... A Igreja Messiânica Mundial do Brasil (IMMB), através de seu atual presidente, Marco Antônio Baptista Resende, fez uma doação no valor de R$ 110 mil p...
ELEIÇÕES 2012: Prefeito eleito de Janaúba, Yuji Ya...   Você, provavelmente, ainda não deve ter ouvido falar de Janaúba. Segunda maior cidade do norte de Minas Gerais (distante 132 km de Montes Cl...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *