VISITA DO PRÍNCIPE: Com visita de Suas Altezas Imperiais, Japão fortalece laços de amizade com o Brasil

Suas Altezas Imperiais, o príncipe Akishino e a princesa Kiko encerraram, no Rio de Janeiro, a visita de 12 dias ao país. No sábado (7), eles foram recebidos pelo governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) e a primeira-dama Maria Lucia Horta Jardim, no Palácio Guanabara, nas Laranjeiras, onde participaram de um almoço oferecido pelos anfitriões. “Desde que estabeleceram relações diplomáticas, o Brasil e o Japão se tornaram parceiros. O Japão é uma das nações que mais investem em solo brasileiro e tem uma das maiores colônias no nosso país. Espero que essa boa relação se fortaleça ainda mais durante essas comemorações”, afirmou o governador Pezão.

 

Príncipe cumprimenta presidente Dilma, que deve visitar o Japão ainda em dezembro deste ano (Foto: Jose Cruz Agencia Brasil)

Príncipe cumprimenta presidente Dilma, que deve visitar o Japão ainda em dezembro deste ano (Foto: Jose Cruz Agencia Brasil)

 

Ainda no sábado, Akishino e a princesa participaram da reinauguração de um jardim de estilo japonês situado no Jardim Botânico, que foi reformado por causa da visita. A área, de cinco mil metros quadrados, foi recém-reformada e contém espécies nativas dos dois países. Na cerimônia, o príncipe destacou que “o Jardim Japonês é um símbolo importante das relações de amizade entre o Japão e o Brasil e por isso, sua reforma, neste momento de celebração dos 120 anos de relações diplomáticas, é bastante significativa”.

A cerimônia, que aconteceu no Museu do Meio Ambiente do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, encerrou com a apresentação da Orquestra Chapéu Mangueira, que faz parte do Projeto Ação Social pela Música do Brasil. Na sequencia, o princípe, a princesa, presidente do JBRJ, comitiva japonesa e dirigentes da instituição deslocaram-se em carrinhos elétricos para o Jardim Japonês, para o descerramento da placa de reinauguração.

No domingo, o casal passou cerca de duas horas no mesmo Jardim Botânico. O príncipe, que é biólogo, demonstrou especial interesse pela Euryale ferox, planta aquática parente da Vitória-régia e a Barriguda (Cavallinesia arborea), parente brasileira do Baobá africano.

Na visita à Sumaúma, Akishino e Kiko posaram para as fotos, demonstrando encantamento pela riqueza da coleção viva e exuberância do jardim.

Dos passeios programados inicialmente na Cidade Maravilhosa, as visitas ao Pão de Açúcar e ao Corcovado tiveram que ser cancelados em função das chuvas que caíram no último final de semana. Encerrando a agenda no país, os príncipes conheceram o Museu de História Nacional e se reuniram com a comunidade nipo-brasileira local na Associação Nikkei do Rio de Janeiro.

Antes da escala no Rio, o casal teve uma passagem um tanto quanto tumultuada por Brasília. No dia 5, Akishino e Kiko foram recebidos no Salão Negro do Congresso Nacional pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), sua esposa, Cláudia Cruz, e diversos deputados, entre eles os parlamentares nikkeis Walter Ihoshi (PSD-SP), William Woo (PV-SP), Keiko Ota (PSB-SP) e Luiz Nishimori (PR-PR).

 

No Rio, Suas Altezas Imperiais foram recepcionados pelo governador Pezão e a primeira-dama (Foto: Jose Cruz Agencia Brasil)

No Rio, Suas Altezas Imperiais foram recepcionados pelo governador Pezão e a primeira-dama (Foto: Jose Cruz Agencia Brasil)

 

Sessão solene – Após uma breve reunião reservada, a família imperial japonesa participou de sessão solene no Plenário Ulysses Guimarães, em homenagem aos120 anos do Tratado de Amizade e Relações Diplomáticas entre Brasil e Japão.

Durante a solenidade, Cunha lembrou o início das relações diplomáticas entre os dois países, com a assinatura do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação, em 1895, em Paris, na França, por representantes do Brasil e do Japão.

O presidente observou ainda que o tratado permitiu a chegada ao Brasil dos primeiros imigrantes japoneses 13 anos mais tarde, em 1908. Atualmente, o Brasil é o país que abriga a maior população de origem nipônica fora do Japão, cerca de 1,9 milhão de pessoas.

“Não podemos deixar de assinalar, sobretudo, que a presença dos membros da família imperial japonesa, nesta Casa, seguramente dignifica e engrandece ao máximo o Poder Legislativo brasileiro”, disse Cunha.

 

No Congresso, Akishino e Kiko participaram de uma cerimônia que reuniu os parlamentares nikkeis (Foto: Jose Cruz Agencia Brasil)

No Congresso, Akishino e Kiko participaram de uma cerimônia que reuniu os parlamentares nikkeis (Foto: Jose Cruz Agencia Brasil)

 

Gratidão – Por sua vez, o príncipe Akishino agradeceu a generosidade do governo e do povo brasileiro por acolher os imigrantes japoneses. “Aqueles primeiros imigrantes, transpondo as barreiras das diferenças ambientais, culturais e linguísticas, acumularam esforços, integraram-se à sociedade local e conquistaram a confiança do povo brasileiro, que os acolheu de braços abertos”, disse Akishino.

O príncipe do Japão também destacou a contribuição dos inúmeros projetos de cooperação nipo-brasileira para o desenvolvimento socioeconômico do Brasil. “Isso impulsiona ainda mais a amizade entre os nossos países”, disse o príncipe, acrescentando que cerca de 180 mil brasileiros vivem atualmente no Japão e atuam em diversas áreas.

Presidente do Grupo Parlamentar Brasil-Japão, o deputado Luiz Nishimori (PR-PR), que propôs a solenidade, citou exemplos de projetos feitos em parceria com o Japão, como a Usiminas, o projeto Carajás de exploração mineral e o projeto Cerrados que, segundo Nishimori, contribuiu sensivelmente para a abertura do Cerrado brasileiro.

 

Parceiros – “São apenas alguns dos benefícios que o nosso País recebeu por meio desse tratado. Além disso, há a aproximação entre as autoridades dos dois países e o desenvolvimento econômico de ambos. Japão e Brasil são grandes parceiros, diversas empresas japonesas estão instaladas e tiveram importante papel no avanço da industrialização brasileira”, destacou o parlamentar.

Nishimori lembrou ainda que o Japão exporta principalmente tecnologia, equipamentos e automóveis, e o Brasil, principalmente, matéria-prima.

 

Príncipe e princesa posam à sombra de uma sumaúma (Foto: divulgação)

Príncipe e princesa posam à sombra de uma sumaúma (Foto: divulgação)

 

Deselegante – Durante sua passagem pela capital federal, os deputados Fernando Francischini (Solidariedade- PR) e Vanderlei Macris (PSDB-SP) protagonizaram uma cena inusitada durante a visita de Suas Altezas Imperiais e que repercutiu negativamente na comunidade nikkei que se manifestaram via redes sociais. Francischini exibiu um cartaz, em inglês, diante de um príncipe Akishino atônito, com os dizeres: “Queremos o impeachment da presidente Dilma Rousseff pois queremos que o Brasil se torne tão honrado quanto o Japão”. Entre os vários comentários, os internautas classificaram a atitude de “desnecessária” e “deselegante”.

Ainda no dia 5, o príncipe e a princesa foram recebidos pelo embaixador do Japão, Kunio Umeda, em sua residência oficial. Lá, o casal cumprimentou um a um os parlamentares nikkeis.

No dia 6, Suas Altezas Imperiais se reuniram com a preesidente Dilma Rousseff (PT), que deve fazer uma visita ao país nipônico em dezembro deste ano, e almoçaram com o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira.

O príncipe Akishino e a princesa Kiko estiveram no Brasil representando a Família Imperial por conta das comemorações pelos 120 Anos do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação Brasil-Japão. O príncipe esteve no país pela segunda vez. A primeira foi em 1988, por ocasião das comemorações dos 80 anos da imigração japonesa no Brasil. Já a princesa esteve no Brasil pela primeira vez. A viagem do casal começou no dia 28 de outubro em São Paulo, e depois passou por dez cidades, entre elas Curitiba, Maringá, Rolândia, Campo Grande e Belém.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

     

    Related Post

    SÃO ROQUE: 9º Festival de Orquídeas e Plantas Orna... O Festival de Orquídeas e Plantas Ornamentais de São Roque chega a sua nona edição e agracia a cidade de São Roque e seus visitantes com inúmeras ...
    GAIMUSHO KENSHUSEI: Encontro celebra 21 anos da As... A Associação Latino-Americana de Ex-Bolsistas do Gaimusho realizará, de 16 a 19 de setembro, em Buenos Aires, na Argentina, o 15º Encontro Latino-amer...
    IKOI-NO-SONO: Acontece neste domingo 1º Temaki Mat...   Por iniciativa do Grupo Temaki da Amizade, formado por médicos e amigos do Hospital Nipo-Brasileiro em parceria com a Assistência Social Dom...
    LÍNGUA JAPONESA: Unesp celebra 20 anos do curso de... A Faculdade de Ciências e Letras (FCL) da Unesp em Assis promove esta semana – dias 24 e 25 de maio – o Congresso Comemorativo dos 20 anos do Curso de...

    One Comment

    1. 2015 será lembrado pelas lindas comemorações aos 120 Anos de Tratado de Amizade Brasil-Japão, especialmente pela visita de Suas Altezas Imperiais do Japão!!! Que o estreitamento dos países amigos seja cada vez maior no correr do tempo!!

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *