ESPETÁCULO: 17º Festival do Japão recebe o Grupo japonês “INSPI”

 

O tradicional Festival do Japão em São Paulo, acontece nos dias 4, 5 e 6 de julho, no Imigrantes Exhibition & Convention Center, e para enaltecer ainda mais o grande evento, a Fundação Japão em São Paulo traz uma atração internacional, o sexteto INSPi. Um grupo de canto a capela (da expressão de origem italiana, ‘a cappella’, que significa música cantada sem acompanhamento de instrumento musical). Além do workshop do grupo no estande da instituição, serão duas apresentações que acontecerão no Palco Principal no dia 5 de julho, sábado, a partir das 17 horas, e em 6 de julho, domingo, às 12h05, no Imigrantes Exhibition & Convention Center, no bairro do Jabaquara.

 

SEXTETO INSPI (FOTO: DIVULGAÇÃO)

 

Os jovens integrantes Shinji Okumura (vocalista), Atsushi Sugita (vocalista e líder do grupo), Tomoyuki Okura (vocalista), Takehiko Kita (vocalista), Takafumi Watanabe (percussão vocal) e Keisuke Yoshida (baixo vocal), todos na faixa dos 30 anos de idade, executam arranjos de diversos estilos sem nenhum instrumento musical como apoio, apenas reproduzindo vocalmente diferentes sonoridades.

Durante a 17ª edição do festival que traz com o tema “A Origem da Felicidade”, de origem budista, cuja filosofia encoraja a humanidade a praticar a compaixão, a gentileza e o respeito a todos os seres. Para esta edição, a Fundação Japão estará em um estande junto do Consulado do Japão. Além de divulgar suas atividades, a Fundação promoverá no local, no sábado, 5 de julho, às 14h, um workshop com o INSPi.

 

Sobre o INSPi

Em 1997, uma turma de amigos de faculdade se reuniu para formar um grupo de canto a capela. Bastante inovador na época, rapidamente ficaram consagrados como “os músicos que compõem canções originais e as cantam a capela”. Já em 2001, estavam em um conhecido programa de televisão, para em seguida lançar seu primeiro CD e assinar contrato com a Watanabe Entertainment, líder da indústria de entretenimento no Japão.

Além de interpretar covers de canções infantis, tradicionais e folclóricas do Japão, o grupo canta canções próprias e originais intituladas “Kokoro no nekko” (Raiz da Alma), sempre apresentadas na língua do país que o recebe.

O grupo, que no início se apresentava apenas no Japão, em 2003 começou a fazer apresentações no exterior, partindo para a Indonésia, Tailândia, Mongólia, Cazaquistão, Uzbequistão e México. Desde o Grande Terremoto do Leste do Japão, em 2011, o INSPi passou a incluir, nestas apresentações no exterior, um agradecimento especial ao apoio que o Japão tem recebido de diversas partes do mundo. Em uma destas ocasiões, na Mongólia, eles lembram emocionados com a reação do público, que comovido pelo gesto, correspondeu com uma interminável e calorosa salva de aplausos.

O primeiro contato com o Brasil aconteceu em 2008, com uma rápida passagem de Sugita e Yoshida. A partir dessa experiência, o grupo promoveu um show ao vivo de samba cantado a capela no Japão. O contraste de sentimentos de alegria e tristeza do samba, apresentado somente com vozes, conquistou grande sucesso.

O grupo vem comprovando sua versatilidade não apenas nos diferentes ritmos, mas também nas apresentações ao lado de artistas dos mais diversos gêneros, como Tsuyoshi Nagabuchi, Kazufumi Miyazawa (The Boom), Bonny Jacks (coral existente há mais de 54 anos), Dankei Tatekawa (tradicional artista de rakugo, que são performances humorísticas de contação de histórias), entre outros.

Em 2005, foram responsáveis pela apresentação da música “Kono ki nanno ki” para a campanha publicitária da HITACHI veiculada na TV, que virou um grande hit, conhecida entre a maioria dos japoneses.

 

Transformando conceitos

A capela não é um estilo, pois é possível executar arranjos de diversos estilos musicais. A principal característica é a ausência de instrumentos musicais como apoio. Até o surgimento do INSPi, um grupo a capela poderia ser definido como um pequeno coro que não utiliza instrumentos musicais em suas apresentações, reproduzindo vocalmente diferentes sonoridades, sejam elas de percussão ou de instrumentos.

No entanto, este grupo japonês faz muito mais do que isso. Executada somente com o som das vozes, sua música transmite palavras, recortando momentos de sensibilidade do cotidiano e transformando-os em uma canção. Sob o lema “Laços de Vozes”, os integrantes do INSPi, com o poder e o entrelaçamento de suas vozes, vem ao Brasil para levar o público a recordar momentos especiais através de suas músicas.

 

Festival do Japão

Durante os três dias do evento, são estimados cerca de 190 mil visitantes, em busca de diversas atrações, como o Campeonato Mundial de Cosplay (World Cosplay Summit – WCS), organizada pela Editora JBC. A dupla campeã representará o Brasil na final do WCS, no Japão. Haverá também o tradicional concurso Miss Nikkey, com cerca de 30 candidatas de todo o Brasil concorrendo ao título de a mais bela representante da comunidade nikkei. Os visitantes também poderão degustar as principais especialidades da culinária das 47 províncias do Japão. Muitos destes pratos oferecidos no Festival dificilmente são encontrados nos cardápios habituais dos restaurantes japoneses de São Paulo.

Durante os três dias do evento, são estimados cerca de 190 mil visitantes, que poderão participar de atividades culturais como oficinas de origami (dobraduras), kirigami (origami arquitetônico), shodo (caligrafia japonesa), ikebana (técnica de arranjo floral), sumiê (desenho com tinta sumi, à base de carvão), entre outras artes do Japão. Todas as atividades culturais são gratuitas e abertas ao público.

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

MISS NIKKEI 2014: Amanda Mizukava é eleita Miss Ni...   Realizado no sábado, no Palco Principal do 17º Festival do Japão, o concurso Miss Nkkey Brasil 2014 consagrou a beleza da estudante Amanda M...
SOCIAL: A Associação de Okinawa de Vila Carrão pro...   Música – A Associação de Okinawa de Vila Carrão promoveu I Karaokê Taikai de Kazoku Karaokê Aiko Kai, no dia 09 de junho, na sede da entidad...
ARAÇATUBA: Reunião discute preparativos para os 10... No último dia 4 foi realizada na Associação Nipo-Brasileira de Araçatuba (SP), reunião para tratar sobre a comemoração do centenário da colonização do...
SAÚDE: Walter Ihoshi reitera ‘compromisso’ com mun... O deputado federal Walter Ihoshi (PSD/SP) participou, em São Paulo, do 2º Fórum a Saúde do Brasil, promovido pelo Jornal Folha de S.Paulo. Na ocasião,...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *