JORGE NAGAO: Maceió, Maragogi, Maravilha!

Maceió, Maragogi, Maravilha!

Os bons filhos voltam a Maragogi com seus sobrinhos e netos

Os bons filhos voltam a Maragogi com seus sobrinhos e netos

 

Redação:  Minhas férias

 

Professora, neste ano conheci um pouco de Alagoas.

– Adiós, Sampa mia! – disse meu vô- e partimos com a vó, a bisa

e o Nando, e chegamos à Cidade Maravilhosa.

 

Lá encontramos outros avós: Rakel, Renildes e Leão. Ouvi dizer que somando

a idade da nossa turma “chegava a 500 anos e o peso era outros 500.”

 

Nosso grupo rodado e da pesada embarcou no Galeão e desceu no aeroporto

Zumbi dos Palmeiras, em Maceió.  Fomos recebidos pelo simpático casal Marcelo

e Fátima. Seguimos para o hotel.

 

Do sétimo andar do Coté D’Azur, em Jatiúca, o Oh! foi geral, todos ficamos encantados

com a maravilha que é a capital de Alagoas.

Vovô escreveu esse poema:

 

 

Maceió

A vovó
e Marceló
foram a Maceió

pra ver
seu mar
seu céu
seu sol

E concluíram:
todas as cidades
querem ser
como Maceió

Mas sei ó
Maceió
tem uma só

No domingo, os Castros de SP, RJ e PE se encontraram com os Castros de AL,

na casa da Emília. Imagina a emoção que rolou depois de tantos anos de saudades.

Os jovens primos riram muito com as histórias da vó Rakel e do vô Leão.

 

Depois, fomos a Maragogi. Mais emoção pois juntou-se ao grupo Rosita e seus filhos

Heitor e Bibi, além de Solon e Bia que ficaram muito felizes em rever os tios e primos

sudestinos que também amaram encontrar os Castros nordestinos.

 

Passamos a primeira noite numa pousada á beira-mar, e que mar lindo. Pela manhã,

fomos acordados por um galo escandaloso que inspirou meu vô-poeta.

 

O galo de Maragogi

 

Estou dormindo
de repente ouço
Cocorocoo!
É o galo me chamando
“você está aqui
em Maragogi”

Indiferente
volto a dormir
mas lá vem ele
de novo
Cocorocoo!

“Acorda amigo
venha curtir
Maragogi”

Sonolento

levantei pra
fazer xixi
voltei pra cama e

Cocorocoo!
“chega de dormir
o sol a brisa
já estão aqui
à espera de ti”

Cocorocoo!
“você não veio aqui
só pra dormir
são sete horas
não vou mais insistir’

 

Comemorei

o que ouvi

Mas
Cocorocoo!
“bom dia
vou partir
dorminhocooo”

 

“Você é um fraco!
e tome outro

Cocorocoo!
só pra encher
o seu saco”

 

Me levantei
e vi o galo
chateado demais
como se me dissesse
amanhã tem mais

Ah se eu pudesse
obrigá-lo
a não me acordar…
mesmo assim lhe falo
valeu, galo!

E agora bora
vamos sair daqui.
Vamos curtir
esse paraíso:

Maragogi

 

Que dias inesquecíveis, de lavar a alma. Praias, passeio

de bug, água de coco nos quiosques, sorvetes, uma noite de mímica promovida pela animada Fátima.

 

A bisa Ruth e seus irmãos gêmeos se emocionaram ao reconhecer a casa em que

passaram a infância. Seus olhos brilhavam com cada lugar que viam.

Para fechar com chave de ouro, encontraram o biscoito tareco e a fruta-pão que fez a bisa

se sentisse menina outra vez.

 

Gostou das minhas férias, professora?

J.N. Neto

 

(Acho que o meu neto imaginário contaria assim, como porta-voz, essa viagem ao

passado de seus avós.)

 

 

 

resized_nikkeigo

 

 

Cronikkeis#5, resultado

 

O site discovernikkei.org/pt divulgou os vencedores de seu concurso de crônicas.

1o. lugar, Heriete Takeda, “Gaijin”.

2o, lugar, Hudson Okada, “Né”, e Nilton Suenaga, “Daikon, kabu…”.

Em Japonês, quem brilhou foi Marina Tsutsui, “Brasileira por adoção- Japonesa de coração”.

Os textos vencedores serão vertidos para os outros idiomas do site: EN-ES-JP-PT,  assim como o texto favorito do Nima-kai, “O idioma japonês no dia a dia dos  dos integrantes do Grupo Hikari de Londrina, Por Alba Shioco Hino, Nilza Matiko Iwakura Okano, Kiyomi Nakanishi Yamada.

 

Parabéns aos participantes e, especialmente, aos vencedores!

 

 

JORGE NAGAO

JORGE NAGAO

além do Nippak e www.nippak.com.br,também está na constelação do www.algoadizer.com.br.
E-mail: jlcnagao@uol.com.br
JORGE NAGAO

Últimos posts por JORGE NAGAO (exibir todos)

    Related Post

    JORGE NAGAO: Carnaval e Homenagens   Ser homenageado por uma grande escola de samba, em vida, é um privilégio para poucos sortudos. "Me dê as flores em vida porque quando morrer...
    AKIRA SAITO: O-SHOGATSU OU SHOGATSU “Iniciar bem o ano com as energias renovadas”   Um dos costumes japoneses é a celebração do Ano Novo (O-Shogatsu ou Shogatsu) que apesar de s...
    BEM ESTAR: Em busca de justificativas Por que estamos justificando a cada ato ou pensamento? Por que temos que estar justificando todo o tempo? De que serve a justificativa?  Incompe...
    SHIGUEYUKI YOSHIKUMI: O hábito não faz o monge   Esse velho ditado, hoje é pouco ouvido e citado. Mas quando os religiosos andavam com ele, eram mais respeitados. Atualmente, você não disti...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *